A NephroCare utiliza cookies no site para melhorar a experiência do utilizador e fornecer o melhor serviço possível. Ao continuar a navegar no site, irá concordar com a sua utilização. Para mais detalhes, consulte a nossa política de privacidade.

Estágio Inicial

No estágio inicial (1, 2 e 3a da DRC), a maioria das pessoas praticamente não apresenta quaisquer sintomas ou então apenas sintomas pouco específicos, o que dificulta a detecção da DRC.

Contudo, o tratamento adequado nessas fases iniciais da DRC pode impedir ou, pelo menos, abrandar a progressão da doença. Por esse motivo, é tão importante saber qual o estágio em que se encontra a sua doença, para se saber o que deve ser feito.

O que significa cada estágio da DRC e quais são os sintomas?

Estágio 1 da DRC

No estágio 1 da DRC, já existe dano renal, mas a taxa de filtração glomerular (TFG) continua no nível normal, ou seja, de 90 ml/min ou mais. O estágio 1 é a forma mais ligeira da DRC e pode passar despercebida porque os indivíduos afetados não apresentam quaisquer sinais ou sintomas.

Estágio 2 da DRC

Em um indivíduo que se encontre no estágio 2 da DRC, a lesão renal já causa uma ligeira diminuição da taxa de filtração glomerular (TFG), que se situa entre 60 a 89 ml/min. Mesmo nessa fase, não costumam existir sintomas que indiquem lesão nos rins.

Estágio 3 da DRC

Um indivíduo em estágio 3 da DRC apresenta lesão renal moderada. A fase 3 da DRC divide-se em estágio 3a e estágio 3b. No estágio 3a, a taxa de filtração glomerular (TFG) diminui para um nível entre 45 e 59 ml/min. Mesmo nesse estágio, é frequente o paciente não apresentar quaisquer sintomas indicativos de lesão renal. No estágio 3b, que falaremos adiante, a TFG está entre 30 e 44 ml/min e as chances do paciente apresentar sintomas já são maiores.

O que devo saber?

Nos estágios iniciais da DRC, ou seja, do estágio 1 ao 3a, são muito importantes as medidas para diminuir a velocidade de progressão da DRC e reduzir o risco de outras complicações clínicas. Assim, durante os estágios 1, 2 e 3a da DRC, ter um estilo de vida saudável, uma alimentação especial e tomar as medicações adequadas podem ser medidas suficientes para suspender ou, pelo menos, abrandar esta progressão. Um nutricionista vai lhe ajudar a compreender que alimentos evitar e quais são os adequados.

Seu médico tomará todas as medidas necessárias para identificar e tratar a doença renal subjacente. Receitará também medicamentos para ajudar na solução de problemas, como pressão arterial elevada e retenção de líquidos. A hipertensão pode ocorrer logo no estágio 1 da DRC. Consulte seu médico para verificar regularmente sua pressão arterial.

O que posso fazer?

As medidas de prevenção indicadas a seguir podem ajudar a proteger os rins e a preservar sua função:

- Obtenha todas as informações possíveis acerca da DRC e sobre como abrandar a progressão;

- Consulte o médico regularmente;

- Tome todos os medicamentos receitados pelo médico, pois eles são muito importantes para sua saúde e seu bem-estar. Sobretudo no caso de diabetes e/ou pressão arterial alta. Faça o controle e respeite os tratamentos prescritos;

- A doença renal pode ser causada por uma predisposição hereditária, que tem de ser falada ao médico;

- Se observar eventuais alterações no seu padrão urinário, como alterações na textura da urina ou dificuldade em urinar, informe ao seu médico;

- Reveja os medicamentos com o médico para garantir que você tome apenas aqueles que menos afetem os rins;

- Coma de forma saudável (consulte um nutricionista para obter as orientações adequadas);

- Pare de fumar;

- Reduza o consumo de álcool;

- Reduza o excesso de peso; e

- Mantenha-se em boa forma com exercícios físicos regulares.